Reservo-me o direito de omitir meus dados pessoais, tais como CPF e ENDEREÇO, assim como tenho todos os direitos legais para reinvidicar meu nome como autora dos textos constantes nos registros que, por ventura, venham a ser publicados em outros sites, blogs, livros e quaisquer outros meios de divulgação.

Versão(0): Quem tiver Orkut, passe pela minha página de recados para descobrir porque publiquei o registro…

Versão(+1): Agradeço, de coração, aos amigos de Portugal que se unem à minha luta contra o plágio. Um beijo (brasileiro) ao Nilson e Joana.

dsc00591-02.JPG



Posts Recentes:


Comments


This entry was posted on Thursday, September 20th, 2007 at 8:26 pm and is filed under Denúncia. You can follow any responses to this entry through the RSS 2.0 feed. You can leave a response, or trackback from your own site.

10 Corajosos!!!


  1. marilia on September 21, 2007 7:10 am

    Parabens Sandrinha..
    Defenda o que é seu, e está nos ensinando a dvendo os direitos de todos…
    Um beijão e otiiiimo fim de semana, com cueca, ou sem cueca…rssssssss

  2. Edu on September 21, 2007 5:03 pm

    San, aquilo não é uma clonagem. É um proxy para permitir acesso dos turcos ao wordpress, cujo domínio foi bloqueado no país (segundo o próprio povo do wordpress disse há um tempo). Os donos dizem que o adsense é apenas para pagar a banda. E eu pedi pra excluírem o meu do sistema, via página de contatos que eles colocaram pra isso. Vamos ver. No mais… tudo bem. Mesmo que houvessem textos que eu quisesse preservar, continua aparecendo como “escrito por Edu” e tudo.

  3. Nilson Barcelli on September 21, 2007 7:22 pm

    Nunca percebi os ladrões da escrita.
    De que vale roubar se não conseguem escrever mais uma linha em consonância com o que roubaram?
    Há dias vi uma que roubou de várias pessoas e o conjunto de uns 60 poemas não tinha coerência. Dava para ver que eram vários autores e não um só… só que a sua falta de capacidade nem sequer lhes permite ver essas evidências.
    Sandra, a minha solidariedade para você. Uma das maiores vítimas de roubo que eu já vi na net (mas que também demonstra que você escreve coisas boas…).
    Bfs, beijinhos.

    Nilson, eu deveria receber um troféu pelos plágios…
    Das duas, uma: ou realmente escrevo bem ou há mais malucos no mundo do que eu imaginava…
    Beijos, meu querido.
    Um dia eu faço as malas e vou até aí, para que me apresente Portugal. :)

  4. joana m. on September 21, 2007 11:47 pm

    Olá Sandra, li agora os seus comentários sobre o texto ( http://sandrapontes.com/?page_id=816 ) que reproduzi e autores como sendo seu. Achei brilhante a forma como exemplificou o plágio na era da Internet, verdadeiro roubo e falta de ética. Como pode ler no blog, passei por uma situação semelhante à sua, em que outro blogueiro copiou literalmente o design do blog, os textos introdutórios e mais grave, modificou textos que já haviam sido publicados em catálogos de arte e assumiu a autoria como sendo sua. Foi muito desagradável, e não sabia muito bem sequer o que fazer a início, e o seu texto foi uma grande ajuda, um “abre olhos”. Aqui em Portugal, e porventura noutros Países não há ninguém a quem se possa recorrer quando uma situação destas ocorre, portanto gostava de lhe agradecer pelo seu esplêndido texto, e pelo projecto PLÁGIO É CRIME!. Obrigada, um abraço Joana M.

    Joana

    Eu é que fico feliz em ter aliados. Mas me dói saber que Portugal não conta com leis que nos protejam. Mas vou te dar uma dica: se o texto plagiado estiver hospedado num blog do “sapo.pt”, saiba que eles respeitam a denúncia e deletam o blog. Já denuncei plágios em Portugal e o blog inteiro foi excluído.
    Conte comigo no que precisar.

    Abraços.

  5. joana m. on September 21, 2007 11:51 pm

    lapso:( *autores- dei-lhe a autoria como sendo sua

    Agora que acessei o blog, me lembrei.. Foi você quem reporduziu totalmente meu post sobre plágio num comentário!!!! Eu até achei que era plágio do “plágio”, meti a boca e, depois que li com calma, me desculpei… hahahahahahahahahahahaha

    Se precisar de ajuda, me chama!

  6. Kith on September 22, 2007 11:53 am

    Menina, essa mulher de coroa na cabeça é advogada mesmo?
    Achei o papo meio surrealista…..
    Continue lutando pelos seus direitos, amiga!
    Afinal, plágio é crime.
    Beijos

    No Orkut ela é “guia turística”… Se é advogada, andou faltando bastante nas aulas. Inclusive nas de educação.
    Aliás (1), eu JAMAIS contrataria os serviços de uma pessoa que usa coroa na cabeça!!
    Aliás (2), eu JAMAIS contrataria os serviços de uma pessoa que só tem “fãs”…
    Aliás (3), eu JAMAIS contrataria os serviços de uma pessoa que, numa comunidade de uma cidadezinha do interior de Minas Gerais, entrega que já foi alvo de fofocas… Como diria, um tanto quanto comprometedoras… Se ela fala dela mesma, que dirá de seus clientes!!

  7. Meglyn (Sub Rosa) on September 22, 2007 7:12 pm

    Querida Sandra,

    Olha, vc sabe que sempre pode contar com minha solidariedade, que até pode valer muito pouco, mas é sincera e é a que tenho para oferecer.
    Além do mais, gosto de muito de você, tipo assim, li vc uma vez,. vi umas coisas que vc escreveu e disse: Valeu! essa é de fibra, raça e me identifiquei com você. Porque se eu fosse corajosa como você, Sandrinha, jamais teria passado por sofrimentos terríveis que passei. Mas tudo bem, já passou e eu não sou ded alimentar mágoas ou sentimentos tristes! sei que posso me olhar de cabeça erguida e dormir com a tranqüilidade na minha consciência. Logo, ninguém melhor do que eu para entender não a questão do plágio pois não crio nada, apenas divulgo e só posso *sentir* com o discernimento e a inteligência. Agora, o que posso sentir *na pele* e identificar-me com você é na questão da injustiça! Tudo o que você fizer para *dirimir* injustiças, faça! Faça mesmo e de forma cristalina e corajosa, e efetiva, na prática é que somos eficientes, efetivos e eficazes.
    Bom, mas agora que vc já sabe o que sempre soube, deixa eu lhe dizer três coisas:
    1- Kakakakaka, hahahah, a-do-rei esse negócio de aliás 1; aliás 2; e aliás3 !!!!!! hahahahah, eu estou me escangalhando de tanto rir. Adorei e quero que autorize a usá-lo:-))))
    2- Nem sempre posso dar um alô, mas agradeço por todas as vezes que vc tem ido e que vai lá no meu cantinho.
    3- Vim, aqui, para lhe deixar *aqui* o meu beijo e um abraço carinhosíssimo. Para além dos que deixo no Oukut;-)
    Vc é linda e adorável e a-do-ro você.
    E quero que isso seja público, notório e do conhecimento de todos!
    E tenho dito!
    Beijocas e fim de semana maravilhoso e uma semana exclente, cheia dos maiores sucessos.
    Meg, Meguita;-)
    Aliás 1, vou clicar logo;-))))

  8. D. Afonso XX, o Chato on September 23, 2007 12:11 pm

    Ué? Não disse que tinha parado com essa história do plágio^Ou eu é que entendi errado? bjs

  9. Lord Broken Pottery on September 23, 2007 12:48 pm

    Sandra,
    Até hoje só me preocupei em registrar um roteiro, dizem que o pessoal de cinema não é mole. Gostaria de conseguir fazer um texto com a minha cara, coisa que se lessem pudessem dizer que fui eu quem escreveu. Tenho tentado.
    Beijo

  10. marilia on September 23, 2007 6:47 pm

    Oi sandra! que rolo, essa historia de plágio.
    vc sempre na luta pelos direitos…
    eu não tenho orkut, vou pedir minha filha pra entrar neste que vc esta falando…
    se vc quiser, gostaria de divulagar no meu blog seu problema.
    me mande um email explicando,que repasso aqui para as mineiras…
    um grand bjo e boa semana!

Nome (requerido)

Email (Segredinho nosso)

Site ou blog

XHTML: You can use these tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Deixe seu recado (que pode ser devidamente editado, ignorado, respondido, deletado... Depende do meu humor!)

"A vontade pode e deve ser um motivo de orgulho superior ao talento." Balzac

"Quem atinge o seu ideal, ultrapassa-o precisamente por isso." Friedrich Nietzsche

"O homem sensato adapta-se ao mundo. O homem insensato insiste em tentar adaptar o mundo a si. Sendo assim, qualquer progresso depende do homem insensato." Bernard Shaw

"Todos os nossos sonhos podem se realizar, se tivermos a coragem de persegui-los." Walt Disney