O monstro de cada um

Category: Minha Opinião (ou Minhas "Achices") | Comments Off on O monstro de cada um

Imagem: A Little Girl’s Monster – *DreamsOfALostSpirit – DeviantArt

Quando fazemos a pergunta “que mundo deixaremos aos nossos filhos?” ela, invariavelmente é associada á violência, a destruição metódica, lenta e cruel do nosso planeta. Mas, por descuido, ou por acharmos que isso é problema de pouca monta, não nos lembramos deles: respeito ao silêncio e descanso do próximo.
E, quando eu falo próximo, estou falando é do vizinho, mesmo. Do filho do morador do andar de baixo que acha que a sala dele virou o novo point do som alto. Dos carros que mal se aguentam nos 4 pneus, mas equipados com som vagabundo, abafado, tornando impossível que o som de um filme, uma música suplante um “rebolation” ou um funk insuportável. Isso acontece todos os domingos, no lava-rápido ao lado de casa, num fusca “azul calcinha” caindo de velho… A partir das 08 da manhã. Isso sem contar os carros tunados, que passam durante a madrugada, acionando alarmes dos carros estacionados, latidos de cachorros e se vão… E nós ficamos com as buzinas disparadas e latidos histéricos.
E as festas? São maravilhosas… Um bando de idiotas mal saídos da adolescência, que se “acham” adultos, que se entopem de cerveja barata, ligam o som de outro carro velho, esparramam-se pela rua e, para cada carro que passa, para que se junte à eles na barulheira, gritam com todo o poder de seus pulmões o “brado de guerra”: Buzina! Buzina! À 01h35 da madrugada. Pois é, danem-se os vizinhos, os idosos, as crianças. “Estou dando uma festa legal, tá ligado?, e phoda-se vocês que querem dormir. A festa é na minha casa, cara…” é o pensamento que define a conduta desrespeitosa e ofensiva.
Nada tenho contra prostitutas ou travestis que ganham a vida nas ruas. O problema que temos enfrentado aqui no bairro, e SEM apoio algum quer seja da polícia, quer seja da Prefeitura, é que o “ponto” não é só de prostituição. É de venda de drogas. Já fizemos abaixo-assinado, encaminhamos às pessoas, eleitas ou empossadas via concurso, e que deveriam zelar pelos seus contribuintes, afinal é com dinheiro dos nossos impostos que os salários, as mordomias e as benesses são pagos, mas fomos sutilmente ignorados. Uma senhorinha, que faz limpeza na casa da esquina, reclama que todos os dias há uma enorme quantidade de camisinhas usadas largadas pela calçada. Ooopppaaa… Camisinha usada na rua? Sexo sendo feito nas ruas? Isso é atentado violento ao pudor. E cadê as viaturas da PM para coibir isso?
Para onde vai nosso imposto que não serve para comprar viaturas novas, concursar e treinar mais PM´s?
Seria o caso de tornarmos os “bárbaros do sec. XVI”, usando roupa preta e balaclavas nos rostos, a fim de ameaçar esses indivíduos? Justiça feita com as próprias mãos, uma vez que não temos apoio dos órgãos competentes??? Chamei polícia, Guarda Municipal e ninguém apareceu…
Dói-me aceitar que há verdade crua na frase que minha mãe me disse, hoje de manhã, quando lhe contei da festa na madrugada: PAGAMOS IMPOSTOS E NÃO TEMOS DIREITO A NADA. NEM A DORMIR.

Sim. Precisamos salvar o planeta, economizando água, energia, buscando novas fontes de combustível, cuidando da camada de ozônio, não usando sacos plásticos para o lixo, mas, se não controlarmos os monstros que cada um traz dentro de si, ensiná-lo o respeito a si mesmo e aos outros, ensiná-lo que as pessoas precisam e merecem respeito, descanso e silêncio nas madrugadas e finais de semana, não serão esses nossos monstros internos que deixarão um mundo melhor aos nossos filhos. Aliás, só estaremos criando uma nova geração de monstrinhos, em nossos descendentes.


Autoria:
Sandra Pontes


®
TEXTO REGISTRADO. PROIBIDA REPRODUÇÃO SEM PRÉVIA AUTORIZAÇÃO. SUJEITO ÀS PENALIDADES PREVISTAS NA LEI 9.610/98 DE DIREITOS AUTORAIS.
PLÁGIO É CRIME! E OS TEXTOS CONSTANTES NA INTERNET POSSUEM UM AUTOR. PENSE NISSO ANTES DE USAR O COPIAR/COLAR.

Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.


Twitter – Sandra Pontes.
Follow me.



Posts Recentes:


Comments


Comments are closed.

Nome (requerido)

Email (Segredinho nosso)

Site ou blog

XHTML: You can use these tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Deixe seu recado (que pode ser devidamente editado, ignorado, respondido, deletado... Depende do meu humor!)

"A vontade pode e deve ser um motivo de orgulho superior ao talento." Balzac

"Quem atinge o seu ideal, ultrapassa-o precisamente por isso." Friedrich Nietzsche

"O homem sensato adapta-se ao mundo. O homem insensato insiste em tentar adaptar o mundo a si. Sendo assim, qualquer progresso depende do homem insensato." Bernard Shaw

"Todos os nossos sonhos podem se realizar, se tivermos a coragem de persegui-los." Walt Disney