Imagem: Halls of Gaffe – EVAFan001 – DeviantArt

Pois é… Certas coisas não mudam, diminuem ou acabam com o passar dos anos.
As minhas gafes encontram-se nesse nível. Não param. Podem até me darem uma trégua de “quando em vez”, mas não me abandonam.

O pior é quando elas decidem se amotinar. Ontem foi O dia. Três (T.R.Ê.S.), na sequência… E nomes, CLARO, só as iniciais.


Gafe número 1

Chega um e-mail do G1 pedindo para eu ligar para R, no banco.
Ligo. O diálogo:
R: Oi.
S: (Estou convicta que é G1. Nem vi a letrinha ‘R’ acima…) Oi. O que é que está acontecendo por aí? Por que a tela ainda não foi corrigida, cara? O R prometeu ao G2 dois dias para arrumar, hoje é terça e até agora nada!!
R: Pois é. Estou ajudando o D em Cenários.
S: (…. silêncio mortal de S. Ela respira fundo, enxuga delicadamente 2 gotinhas minúsculas de suor que brotaram na testa, espera o coração sair da garganta e voltar ao lugar e ….) Mas você prometeu ao G2 que faria, cara! Estamos com nossa parte pronta desde quinta passada. Não pode parar…

(o resto do assunto foi só serviço…)


Gafe número 2

O prédio ao lado do da minha empresa também é comercial e, no térreo, funciona uma pizzaria. Até novembro/2010 o pizzaiolo chegava mais cedo às terças e lavava o chão e vidros (aliás, os vidros superiores são basculantes e ficam abertos…) . Há um mês e meio que não vejo o cara lavar. Piso branco, comércio alimentício PRECISA de limpeza. Mas era um paninho úmido (que ele deixou várias vezes largado sobre o balcão) e nem uma gota de água com sabão.
Eu e C na frente da pizzaria. O diálogo:
S: Meu! Faz um tempão que ele não lava a pizzaria.
C: É mesmo.
S: O pior é que ele lavava uma vez por semana e saía um caldo preto daí. Imagina como não está??
C acena concordando.
S: C. Já que ele é seu conhecido fala com ele. Tá ficando feio!!!
C acena concordando novamente.
S olha para o outro lado da rua e vê a moto do pizzaiolo estacionada… Ela olha lá dentro e o vê. Ele sorri. Um sorriso amarelo, sem graça… Meia hora depois a água (encardida) começa a escorrer pela rua…


Gafe número 3

Noite de terça. S no supermercado. Fila do caixa normal, para compras grandes. A fila do caixa rápido, para até 30 volumes fica depois dos caixas para tratamento diferenciado… Na frente de S um homem com exatos 23 volumes. Atrás de S uma mulher com uma cestinha e, no máximo, 10 volumes. Chega a vez de S ser atendida pelo rapaz no caixa. O diálogo:
S: Olha… Sei que a culpa não é sua, mas queria que levasse a reclamação para a gerência. O cliente que acabou de passar tinha 23 volumes. Por que ele passou aqui ao invés de ir ao caixa dele???? Eu não posso entrar no caixa rápido com esse carrinho lotado, mas os clientes com menos de 30 volumes “podem” (muita ênfase no verbo) entrar nos NOSSOS caixas e ninguém contesta.
C: Verdade…
S: Vocês deveriam colocar uma placa, nos caixas, avisando que não atenderão pessoas com menos de 30 volumes.
C acena concordando.
S: E tem mais! Da próxima vez que isso acontecer EU VOU passar todas essa compras no caixa rápido e quero ver quem me tira de lá!!! Aliás, dá uma olhada na cestinha da cliente atrás de mim. Vê se tem cabimento ela ficar nessa fila, tomando o lugar dos outros com carrinhos cheios de compras? Não deveria deixá-la passar e pronto!
C acena concordando novamente, meio sem graça.
Mal termina de passar as compras de S, C cumprimenta afetuosamente o marido da mulher da cestinha. São amigos…

Essa é S… A rainha das gafes!


Autoria:
Sandra Pontes


®
TEXTO REGISTRADO. PROIBIDA REPRODUÇÃO SEM PRÉVIA AUTORIZAÇÃO. SUJEITO ÀS PENALIDADES PREVISTAS NA LEI 9.610/98 DE DIREITOS AUTORAIS.
PLÁGIO É CRIME! E OS TEXTOS CONSTANTES NA INTERNET POSSUEM UM AUTOR. PENSE NISSO ANTES DE USAR O COPIAR/COLAR.

Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.


Sandra Pontes no twitter. Follow me!



Posts Recentes:


Comments


This entry was posted on Wednesday, January 19th, 2011 at 9:21 pm and is filed under Momento Bobagem. You can follow any responses to this entry through the RSS 2.0 feed. You can leave a response, or trackback from your own site.

9 Corajosos!!!


  1. José João Paraguaio on January 19, 2011 9:48 pm

    .
    naum consigo decifrar a mensagem. tá cifrada D+

  2. Sandra on January 19, 2011 10:23 pm

    José… Não ha mensagem subliminar alguma. Foram três furos, seguidos, que dei ontem!!! kkkkkkkkk

  3. Bia on January 20, 2011 3:29 am

    Ahahahahahahahahahahahahaahaha o que é estar com insônia e entrar aqui pra ler a Rainha da gafe??? Pronto, agora que eu decididamente não durmo mais, afinal não paro de imaginar a cena do supermercado (o auge da gafe)… Ahahahahahahhahaha muito, muito bom!

  4. Rodigo on January 20, 2011 10:33 am

    Pior a minha mãe outro dia, conversando com uma moça pançuda outro dia, aí ela perguntou “vc está grávida?” e a moça “não…”

    KKKKKKK

  5. Leonardo on January 22, 2011 12:21 am

    Porque você colocou “c” na terceira gafe?? Era só o Caixa do supermercado, mulher!! Para de fazer drama! Huahsuahsus

  6. Meg on February 4, 2011 2:13 am

    Hahahah,
    é gostoso ver que, ao contrário do personagem do poema do Fernando Pessoa, a gente tem “par” na vida, nem que seja para irresistível – e nem sempre desejada, vocação para as gafes.
    Comigo é destino e sina:-)
    Beijos, minha mulher-maravilha:-)
    Meg

  7. Ana Borges on February 9, 2011 7:55 pm

    Gafe mesmo é ter sumido e nem aparecido no meu casório!!! Deixa você… Estamos com saudades… Beijos

  8. Walter Amorim on February 17, 2011 4:17 pm

    Estava lendo seu texto sobre plágio e gostei muito. Estou pesquisando o assunto por que fui recentemente vítima de plágio e mesmo escrevendo para o meliante e seu responsável eles nem ao menos se defenderam e estão mantendo o plágio. Minha idéia é alterar o texto e juntar com um outrpo texto registrando todo este conteúdo na Biblioteca Nacvional conforme um aluno meu já havia me orientado e vi que voce também fez o mesmo. Antigamente não me incomodaria tanto com isso mas oi sujeito copiou até minha biografia como se ele estivesse estado nos mesmos lugares que passei, o que tamb´me já inclina-se para a falsidade ideológica. O problema nem é reproduzir mas sem crédito. Por isso pergunto a licença crewative commons é vçaida para este caso? E se o cara copiar de novo, vai adiantar essa licença? Podemos falar sobre o assunto por e-mail? Não achei seu e-mail. Gostaria que me ajude como proceder corretamente. Tenho interesse em colocar seu banner no meu site. É só copiar e colar o código?

  9. Создание сайтов on March 1, 2011 11:16 am

    Да… Мне на самом деле близка обсуждаемая тема! Даже грустно как-то/Даже и не докопаешься.

Nome (requerido)

Email (Segredinho nosso)

Site ou blog

XHTML: You can use these tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Deixe seu recado (que pode ser devidamente editado, ignorado, respondido, deletado... Depende do meu humor!)

"A vontade pode e deve ser um motivo de orgulho superior ao talento." Balzac

"Quem atinge o seu ideal, ultrapassa-o precisamente por isso." Friedrich Nietzsche

"O homem sensato adapta-se ao mundo. O homem insensato insiste em tentar adaptar o mundo a si. Sendo assim, qualquer progresso depende do homem insensato." Bernard Shaw

"Todos os nossos sonhos podem se realizar, se tivermos a coragem de persegui-los." Walt Disney