Recebi pur I ½. Autamenti útil para nóis, escritoris…

30 DICAS PARA ESCREVER BEM (Autor: Professor João Pedro da UNICAMP)

01. Deve evitar ao máx. A utiliz. De abrev., etc.

02. É desnecessário fazer-se empregar de um estilo de escrita demasiadamente rebuscado. Tal prática advém de esmero excessivo que raia o exibicionismo narcisístico.

03. Anule aliterações altamente abusivas.

04. não esqueça as maiúsculas no inicio das frases.

05. Evite lugares-comuns como o diabo foge da cruz.

06. O uso de parêntesis (mesmo quando for relevante) é desnecessário.

07. Estrangeirismos estão out; palavras de origem portuguesa estão in.

08. Evite o emprego de gíria, mesmo que pareça nice, sacou??…então valeu!

09. Palavras de baixo calão, porra, podem transformar o seu texto numa merda.

10. Nunca generalize: generalizar é um erro em todas as situações.

11. Evite repetir a mesma palavra pois essa palavra vai ficar uma palavra repetitiva. A repetição da palavra vai fazer com que a palavra repetida desqualifique o texto onde a palavra se encontra repetida.

12. Não abuse das citações. Como costuma dizer um amigo meu: “Quem cita os outros não tem ideias próprias”.

13. Frases incompletas podem causar

14. Não seja redundante, não é preciso dizer a mesma coisa de formas diferentes; isto é, basta mencionar cada argumento uma só vez, ou por outras palavras, não repita a mesma idéia várias vezes.

15. Seja mais ou menos específico.

16. Frases com apenas uma palavra? Jamais!

17. A voz passiva deve ser evitada.

18. Utilize a pontuação corretamente o ponto e a vírgula pois a frase poderá ficar sem sentido será que ninguém mais sabe utilizar o ponto de interrogação

19. Quem precisa de perguntas retóricas?

20. Conforme recomenda a A.G.O.P, nunca use siglas desconhecidas.

21. Exagerar é cem milhões de vezes pior do que a moderação.

22. Evite mesóclises. Repita comigo: “mesóclises: evitá-las-ei!”

23. Analogias na escrita são tão úteis quanto chifres numa galinha.

24. Não abuse das exclamações! Nunca!!! O seu texto fica horrível!!!!!

25. Evite frases exageradamente longas pois estas dificultam a compreensão da idéia nelas contida e, por conterem mais que uma idéia central, o que nem sempre torna o seu conteúdo acessível, forçam, desta forma, o pobre leitor a separá-la nos seus diversos componentes de forma a torná-las compreensíveis, o que não deveria ser, afinal de contas, parte do processo da leitura, hábito que devemos estimular através do uso de frases mais curtas.

26. Cuidado com a hortografia, para não estrupar a língua portuguesa.

27. Seja incisivo e coerente, ou não.

28. Não fique escrevendo (nem falando) no gerúndio. Você vai estar deixando seu texto pobre e estar causando ambigüidade, com certeza você vai estar deixando o conteúdo esquisito, vai estar ficando com a sensação de que as coisas ainda estão acontecendo. E como você vai estar lendo este texto, tenho certeza que você vai estar prestando atenção e vai estar repassando aos seus amigos, que vão estar entendendo e vão estar pensando em não estar falando desta maneira irritante.

29. Outra barbaridade que tu deves evitar chê, é usar muitas expressões Que acabem por denunciar a região onde tu moras, carajo! Nada de mandar esse trem… Vixi… Entendeu bichinho?

30. Não permita que seu texto acabe por rimar, porque senão ninguém irá agüentar já que é insuportável o mesmo final escutar, o tempo todo sem parar.

Off post: O Mega-blogueiro, querido amigo, Biajoni está triste. Perdeu 6 fãs no Orkut! Atendendo a esse pedido tão meigo, coloquei-me à disposição para que ele me adicione como amiga, para que eu seja a 102a. fã…


Autoria:
Sandra Pontes


®
TEXTO REGISTRADO NA BIBLIOTECA NACIONAL. PROIBIDA REPRODUÇÃO SEM PRÉVIA AUTORIZAÇÃO. SUJEITO ÀS PENALIDADES PREVISTAS NA LEI 9.610/98 DE DIREITOS AUTORAIS.
PLÁGIO É CRIME! E OS TEXTOS CONSTANTES NA INTERNET POSSUEM UM AUTOR. PENSE NISSO ANTES DE USAR O COPIAR/COLAR.



Posts Recentes:


Comments


This entry was posted on Friday, March 24th, 2006 at 6:16 pm and is filed under Momento Bobagem. You can follow any responses to this entry through the RSS 2.0 feed. You can leave a response, or trackback from your own site.

15 Corajosos!!!


  1. D. Afonso XX, o Chato on March 24, 2006 11:12 pm

    Gostei da 29. Só tem que dizer pro autor que se escreve “tchê” e não “chê”, heheheh beijão

  2. Jacque on March 25, 2006 1:03 am

    hehehehehehe! Adorei esse post! Muito instrutivo com os exemplos!
    Tadinho do Biajoni. Perdeu os fãs por quê? Foi orkutcídio?
    Beijos.

  3. Allan Robert P. J. on March 25, 2006 2:33 am

    Vou tentar seguir todas as dicas, mas você tem que prometer que irá ler.

  4. Cipy on March 25, 2006 7:30 pm

    Há algum tempo uso essas dicas em sala de aula, Sandra. Os alunos a-d-o-r-a-m! Mto legais, né?
    Beijão!

  5. Nina on March 26, 2006 12:47 am

    Hahaha!!!!

    Demaaaais!!!

    Beijocas… =]

  6. gloria on March 26, 2006 11:53 pm

    Adorei as dicas. Muito humor! Vou experimentar passá-las aos meus alunos em Portugal.

  7. Viva on March 26, 2006 11:59 pm

    Excelente! Instrutivo e divertido. Vou tentar me lembrar de todas.

  8. Yvonne on March 27, 2006 11:02 am

    Sandra, suas dicas estão ótimas, mas o sucesso mesmo foi Terra Seca. Você arrebenta menina. Beijocas

  9. Ronzi on March 27, 2006 2:11 pm

    Eu recebi por e-mail este texto, é muito bão.

  10. Gabs on March 28, 2006 7:42 pm

    Esse é um dos primeiros textos que recebemos dos professores de redação na faculdade de jornalismo…

    Talvez por isso ele acabe molhado de cerveja em alguma calçada fétida por aí…

    hahahaha

  11. Ana on March 29, 2006 6:15 pm

    dicas boas mas entro com minhas restrições, quando estamos falando de blogs.

    não me considero escritora… não tenho o intuito de ganhar dinheiro com o que escrevo… gosto do meu estilo de escrita, ainda que ele escape de muitas regras citadas.

    o que devo fazer?

    não posso e nem quero cercear a minha livre expressão. é também ela que dá gosto ao que escrevo: ainda que com estrangeirismos, com minúsculas (tenho um argumento forte para essa), com pontuações excessivas e frases curtas, exagero de parênteses… sou eu! e isso não quer dizer que eu não sei escrever um texto dentro dos padrões mais formais e corretos da nossa língua. sei sim. mas preservo o meu espaço de fazer “bagunça” com o nosso português.

    só não espere que eu EXKREVA AXIM!;D

    beijos!

  12. Júnior on March 31, 2006 7:46 pm

    Mais uma ótima sacada. Ou várias, né?
    Com humor as pessoas aprendem melhor. Por que será?

  13. rose on February 21, 2008 11:39 am

    preciso de uma ajuda, vale 1,5 ponto,

    o professor pediu, um texto com 4 paragrafos, cada parágrafo com 3 periodo, e cada perido até 16 palavras.

    ME AJUDA PELO AMOR DE DEUS

    É PRA AMANHÃ

  14. Herbert Porto on September 24, 2009 9:09 am

    Será que pode me explicar a diferença entre e e ou.

    Atenciosamente

    Herbert Porto

  15. gladistone on December 27, 2011 7:27 pm

    Ola,foi instrutivo e divertido.

Nome (requerido)

Email (Segredinho nosso)

Site ou blog

XHTML: You can use these tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Deixe seu recado (que pode ser devidamente editado, ignorado, respondido, deletado... Depende do meu humor!)

"A vontade pode e deve ser um motivo de orgulho superior ao talento." Balzac

"Quem atinge o seu ideal, ultrapassa-o precisamente por isso." Friedrich Nietzsche

"O homem sensato adapta-se ao mundo. O homem insensato insiste em tentar adaptar o mundo a si. Sendo assim, qualquer progresso depende do homem insensato." Bernard Shaw

"Todos os nossos sonhos podem se realizar, se tivermos a coragem de persegui-los." Walt Disney